Sidebar

BT Login

Entrar Registrar

Acesse sua conta de usuário

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim

Criar uma conta

Todos os campos marcados com asterisco (*) são obrigatórios.
Nome *
Nome de usuário *
Senha *
Verificar senha *
Email *
Verifar email *
Captcha *
bW8wYTk3cjN2NHF0YjVvazhmamtocGc2ajUxNTQyNTUyMzE1 Colunas - Revista Manutenção
Reload Captcha

BM Slide Login

0 Eventos

Em um vídeo supreendente publicado nas redes sociais, um jacaré açu avança na direção de uma equipe de manutenção, antes de mergulhar em um canal que segundo informações de terceiros é da usina hidrelétrica de Monte Negro, RO.

O vídeo gravado pela câmera do circuito interno de segurança, mostra os operarios desesperados em fuga, sendo que num primeiro momento não é possível ver o animal, mas quando os homens começam a correr, ele aparece no campo de visão da câmera, aparentemente agitado, anda um pouco e se joga no canal da usina.

O jacaré é da raça açu é uma espécie de jacaré exclusiva da América do Sul. Também conhecido como jacaré-negro, ele é um predador do topo da cadeia alimentar.

Jacaré açu disponibilizado pelo canal da Revista Manutenção no Youtube

Enfim, até o momento desta publicação a redação da Revista Manutenção não havia identificado a fonte, para obter mais detalhes e confirmar a localização desta ocorrência improvável, que lembra aqueles momentos em que a rapaziada da MANUTENÇÃO está conversando tranquilamente na oficina quando o CHEFE chega e dispersa geral.

Texto: Primeira edição publicada na Revista Manutenção sob licença Creative Commons  Licença Creative Commons
Imagens: As imagens possuem licenças específicas, consulte as respectivas legendas
Jacaré Açu disponibilizada nas redes sociais
Vídeo: Os vídeos possuem licenças específicas, consulte as respectivas legendas
Jacaré Açu disponibilizado nas redes sociais
Avalie esta publicação: 1 1 1 1 1 Nota 0% (0 Votos)

Em uma publicação no Facebook, ‎Guilherme Sartoris‎ que se apresenta como hobbista, demonstra incrível potencial criativo, ao divulgar uma bigorna construída por ele a partir de um trilho de trem. Além das fotografias da bigorna pronta ele divulgou também um vídeo que demonstra todas as etapas do processo de fabricação.

Bigorna fabricada com trilho de tremVista lateral da bigorna

A bigorna é um utensílio feito de aço, ferro forjado, ferro fundido, ou outro metal semelhante, de corpo central quadrangular e, normalmente, com extremidades com forma de cônica ou piramidal, sobre o qual são apoiados metais a serem conformados, malhados e moldados, a quente ou a frio. As primeiras bigornas datam da pré-história e eram feitas de pedra. Contudo, há indícios de que pedaços de meteoritos (feitos de ferro, níquel e outros elementos) também teriam sido usados como bigornas no passado.

Bigorna fabricada com trilho de tremVista superior da bigorna

Enfim, a bigorna fabricada pelo Guilherme sob influência da cultura DIY (Do It Yourself), ou seja, Faça Você Mesmo, pode ser útil para hobbistas, garagistas e até mesmo nas oficinas de manutenção, que com frequência precisam obter materiais conformados, malhados e moldados a quente ou a frio, logo segue o vídeo contendo todas as etapas do processo de fabricação:

Fabricação de Bigorna disponibilizado pelo canal da Revista Manutenção no Youtube

 

Texto: Primeira edição publicada na Revista Manutenção sob licença Creative Commons  Licença Creative Commons
Imagens: As imagens possuem licenças específicas, consulte as respectivas legendas
Bigorna 1,2 e 3 disponibilizadas por Guilherme Sartoris‎ no Facebook 
Vídeos: Os vídeoss possuem licenças específicas, consulte as respectivas legendas
Fabricação de Bigorna disponibilizado por Guilherme Sartoris‎ no Facebook
Avalie esta publicação: 1 1 1 1 1 Nota 0% (0 Votos)

Em 28 de Abril de 2017, através de um convite do Clube de Engenharia, estive presente em um evento na faculdade de direito da USP, no Largo São Francisco, em São Paulo, afim de prestigiar o lançamento do Manifesto do Projeto Brasil Nação, capitaneado pelo famigerado economista, cientista político, cientista social, administrador de empresas, formado em direito e professor da Fundação Getúlio Vargas, Luiz Carlos Bresser-Pereira, e assinado por diversos políticos, professores, intelectuais e empresários como Fernando Haddad, Ciro Gomes, Celso Amorim, Eduardo Suplicy, Lindbergh Farias, Carina Vitral, Luiz Gonzaga de Belluzzo, Raduan Nassar, Pedro Celestino, Leda Paulani, Fábio Konder Comparato, Paulo Henrique Amorim e Mario Bernadini.

Avalie esta publicação: 1 1 1 1 1 Nota 0% (0 Votos)
Página 2 de 2

Redes sociais

Anúncios

Ainda não é registrado? Registre-se agora!

ÁREA DO ASSINANTE