Sidebar

BT Login

Entrar Registrar

Acesse sua conta de usuário

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim

Criar uma conta

Todos os campos marcados com asterisco (*) são obrigatórios.
Nome *
Nome de usuário *
Senha *
Verificar senha *
Email *
Verifar email *
Captcha *
bTB0ZDdrb2Fib3BqMmZicWFyZzMzZHZrMjcxNTc5NzIxMTEx Aprenda a fazer um bloqueio eficaz - Revista Manutenção
Reload Captcha

BM Slide Login

Aprenda a fazer um bloqueio eficaz

Bloqueios disponibilizada por Tagout sob licença grátis com atribuição

Ferramentas
Fonte
  • Menor Pequena Média Grande Maior
  • Padrão Helvetica Segoe Georgia Times



TAGOUT - BLOQUEIO E ETIQUETAGEM
MAXINST - EAM
IPOG - MBA em Gestão da Manutenção
GMG Service
ENGETAG
Parceiro
TAGOUT - BLOQUEIO E ETIQUETAGEM
MAXINST - EAM
IPOG - MBA em Gestão da Manutenção
GMG Service
ENGETAG
Parceiro

(TAGOUT) Quando se trabalha com energia elétrica é fundamental que todas as medidas de segurança sejam colocadas em prática para garantir o bom funcionamento da produção e a segurança dos colaboradores. Nesse sentido, os procedimentos de bloqueio e travamento são indispensáveis para um ambiente seguro no processo produtivo industrial.

Diversas normas definem as condições para o funcionamento seguro de instalações elétricas e regulamentam os procedimentos de segurança em instalações elétricas, além da segurança de máquinas e equipamentos (como a NBR-5410, NR-10 e NR- 12). A NR-10, em especial, é uma mais completas quando o tema é bloqueio elétrico pois descreve detalhadamente o passo a passo de como deve ser feita a desenergização e a reenergização de máquinas e equipamentos industriais.

Segundo esta norma, para ser considerada desenergizada, a instalação elétrica deve passar pelos seguintes passos:

1. Seccionamento;

2. Impedimento de reenergização;

3. Constatação da ausência de tensão;

4. Instalação de aterramento temporário com equipotencialização dos condutores dos circuitos;

5. Proteção dos elementos energizados existentes na zona controlada;

6. Instalação da sinalização de impedimento de reenergização.

Por isso os Equipamento de Proteção Coletiva (EPCs) são essenciais, uma vez que são instalados e utilizados para proteger os trabalhadores, só que em relação aos riscos coletivos existentes nos processos.

Entenda mais sobre os procedimentos de bloqueio e travamento a seguir!

Passo a passo do Lockout | Tagout (LOTO)

O Bloqueio e Etiquetagem ou Lockout - Tagout (no inglês, como são conhecidos internacionalmente) servem de guias para assegurar que durante uma  manutenção ou intervenção em máquinas e equipamentos as energias perigosas sejam controladas adequadamente.

Isso é importante porque quando um técnico realiza a manutenção ou intervenção em uma máquina, somente a desligar pode ser muito perigoso. Isso porque existe o risco de outro profissional, que não está ciente da manutenção, ligar a máquina enquanto o colega está fazendo o procedimento. Se houver mudança de turno com técnicos diferentes, maior o risco.

Assim, os procedimentos de bloqueio e travamento consistem na aplicação de um dispositivo mecânico em um equipamento energizado por eletricidade, mas também por vapor, gravidade, radioatividade, gases, ácidos, entre outros.

Confira o passo a passo!

Passo 1: para aplicar corretamente um dispositivo mecânico de bloqueio ou travamento, é preciso primeiramente identificar e registrar quais são e onde estão os
pontos que precisam receber esse dispositivo.

Passo 2: fundamental desenvolver e documentar o seu programa de controle de energia. De acordo com a norma OSHA, esse documento deve abranger os
seguintes aspectos:

a. Objetivo do programa;

b. Responsáveis por executar o programa de LOTO;

c. Política de fiscalização;

d. Métodos de treinamento;

e. Procedimentos de bloqueio em grupo;

f. Procedimentos de transferência de turno;

g. Procedimentos de remoção de bloqueio;

h. Método para auditoria e atualização de procedimentos;

i. Coordenação com empresas externas contratadas.

Aqui vai um exemplo do passo a passo a ser seguido no Procedimento de Bloqueio e Etiquetagem:

1) Controle de documentos;
2) Controle de registros;
3) Controle de produtos não-conforme;
4) Ação corretiva;
5) Ação preventiva;
6) Auditoria interna.

Passo 3: Fazer uma lista de equipamentos necessários para efetuar os bloqueios, como: cadeados, etiquetas, bloqueios de disjuntores, bloqueios de válvulas entre outros (veja a seguir as opções oferecidas pela Tagout). Para a aquisição dos dispositivos é bom definir se os cadeados e bloqueios serão de uso individual ou coletivo; onde serão guardados os dispositivos para manter a organização); se serão realizados bloqueios em grupo.

Passo 4: Treinar os funcionários em como executar os procedimentos. Colocar em prática, testar e verificar o que pode ser melhorado. O treinamento teórico e prático garantirá o uso correto do procedimento e dos dispositivos de bloqueio.

Passo 5: Como parte da implantação do Loto, é fundamental que sejam realizadas auditorias internas periodicamente. Esta ação é fundamental para o sucesso e continuidade do programa.

Dispositivos que você pode usar  - Conheça alguns destes dispositivos produzidos pela Tagout:

Cadeados de bloqueio: servem para impedir o religamento mecânico e elétrico de máquinas, equipamentos ou painéis elétricos. Eles devem estar acompanhados da sinalização de bloqueio adequada, como a etiqueta de bloqueio ou identificação contendo o horário e a data do bloqueio, o motivo da manutenção e o nome do responsável.

Dispositivo de bloqueio disjuntor: confeccionado em material plástico nylon reforçado com fibra, na cor vermelha. Utiliza parafuso de aperto de manopla de
6mm que desliza em bucha de latão para maior resistência.

Dispositivos de Bloqueio Universal para Disjuntores (DBU): é utilizado para bloquear disjuntores que atendem a norma DIN monopolar, bipolar e tripolar, NEMA e Disjuntor Caixa Moldada. Ele é composto por uma capa de plástico ABS vermelho,com base de nylon rígido preto, um parafuso de latão de fixação manual e um orifício para colocação do cadeado frontal ou lateralmente.

Dispositivos de Bloqueio para Disjuntor DIN (DBDD): pode ser usado como trava para disjuntores norma DIN monopolar, bipolar e tripolar. Para ser colocado deve-se desligar o disjuntor (modo off) e inserir o dispositivo no interruptor do disjuntor, juntamente com o cadeado e a etiqueta de bloqueio.

Bloqueio para plugue elétrico: pode ser utilizado para bloquear plugues e tomadas. Produto em plástico polipropileno de alta resistência na cor vermelha. Disponível no tamanho médio (indicado para uso em tomadas 220 V, 380 V ou 440V de quaisquer formatos) e pequeno (indicado para uso em tomadas 110 V e 220 V de quaisquer formatos).

Saco de bloqueio de plugue: o saco para bloqueio de plugue pode ser utilizado para plugues, cilindros de gás e controles de ponte rolante. É confeccionado em nylon resistente, com cinta em ilhós e impressão de advertência. Esse dispositivo é muito prático e pode ser utilizado para travamento em diversas situações e equipamentos.

Fecho com lingueta de aço para instalação em portas de painéis elétricos: específico para painéis elétricos de pequeno porte com até 1,2m de altura, onde é usado apenas um fecho, conforme a norma NR-10. Pode ser travado com cadeado de haste até 6,5mm de espessura.

Ainda tem dúvidas sobre como fazer um bloqueio eficaz? Assista a esses vídeos que separamos sobre o tema: https://www.tagout.com.br/blog/5-videos-de-bloqueio- e-etiquetagem-que-voce-precisa-ver/ .

 

via TAGOUT

TAGOUT

 

 

Texto: Primeira edição publicada na Revista Manutenção sob licença Creative Commons  Licença Creative Commons

Imagens: As imagens possuem licenças específicas, consulte as respectivas legendas
Bloqueios disponibilizada por Tagout sob licença grátis com atribuição

 

COMENTE, DEBATA, DISCUTA OU DEIXE A SUA OPINIÃO RESPEITOSAMENTE
Os comentários não representam a linha editorial, tampouco a opinião dos articulistas e editores da Revista Manutenção, e estão sujeitos a moderação, pois são de responsabilidade exclusiva de seus autores.

Caso encontre algo ofensivo que viole a legislação vigente no Brasil ou os termos de uso, DENUNCIE.

DETALHES SOBRE O AUTOR
marcio-tosmann Aprenda a fazer um bloqueio eficaz - Revista Manutenção
João Tosmann
Nome: João Tosmann
Website: http://www.tagout.com.br/
E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Engenheiro Eletricista


   Redes sociais: 
linkedin Aprenda a fazer um bloqueio eficaz - Revista Manutenção
 
facebook Aprenda a fazer um bloqueio eficaz - Revista Manutenção
 
twitter Aprenda a fazer um bloqueio eficaz - Revista Manutenção
 
google Aprenda a fazer um bloqueio eficaz - Revista Manutenção
 
youtube Aprenda a fazer um bloqueio eficaz - Revista Manutenção
 
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.




APRESENTAÇÃO:

João Marcio Tosmann é engenheiro eletricista e diretor da Tagout, indústria de produtos de Bloqueio e Etiquetagem. É autor de diversos artigos sobre segurança do trabalho, com objetivo de promover a discussão de temas relacionados a saúde e ao bem-estar dos profissionais no local de trabalho e a importância da prevenção de acidentes e doenças ocupacionais.

FORMAÇÃO ACADÊMICA E EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL:

É formado em Engenharia Elétrica com ênfase em Eletrônica pela PUC-RS, com pós-graduação em Administração Industrial pela USP e MBA em Marketing pela ESPM. Possui experiência em projetos de manutenção industrial e logística em autopeças. Atuou como membro da diretoria do Complexo Industrial Automotivo General Motors (CIAG) e líder de projetos de novos veículos como Celta (General Motors) e EcoSport (Ford). Atualmente é diretor da Tagout, com sede em Vinhedo (SP), indústria de produtos de Bloqueio e Etiquetagem voltados para o mercado brasileiro, além de consultoria e treinamento.


Avalie esta publicação: 1 1 1 1 1 Nota 0% (0 Votos)
Compartilhar

Redes Sociais

 

 
 

Anúncios

Livros recomendados

Ainda não é registrado? Registre-se agora!

ÁREA DO ASSINANTE