Livros na indústria

5 livros essenciais para a manutenção industrial (parte 1)

A importância de estar atualizado na área de manutenção não pode ser subestimada. É essencial acompanhar as mudanças e avanços avanços no setor, principalmente quando falamos de indústria 4.0.

Isso garante a eficiência operacional e a qualidade do trabalho. Vivemos em um mundo em constante evolução.

A manutenção abrange vários conhecimentos e habilidades. Gestão eficaz dos recursos é uma delas. Também inclui a aplicação de técnicas e procedimentos específicos. Os estudos e livros de manutenção oferecem informações relevantes e atualizadas sobre as melhores práticas para enfrentar os desafios do dia a dia.

Tipos de parafusos e suas aplicações 

Investir tempo na leitura e estudo aumenta o conhecimento e habilidades dos profissionais da área de manutenção. Isto cria uma base sólida para enfrentar os desafios encontrados no ambiente de trabalho diariamente. 

Os livros são confiáveis. São escritos por especialistas renomados. Compartilham experiências adquiridas ao longo dos anos.

Essa troca de informações em tempo real é essencial para que os profissionais estejam atualizados sobre novas abordagens, metodologias e ferramentas disponíveis no mercado.

A atuação do ciclo PDCA na gestão da manutenção

A Revista Manutenção reconhece a importância dos livros como uma fonte valiosa de conhecimento para os profissionais de manutenção. Por isso, selecionou cinco livros importantes que abrangem desde confiabilidade, lubrificação, elétrica e manutenção. 

Manual de Equipamentos Elétricos

Um manual focado em equipamentos de alta tensão. Com aplicações globais, conceitos e cálculos, João Mamede Filho traz os principais equipamentos industriais elétricos de alta tensão utilizados em subestações de potência, redes de distribuição e linhas de transmissão. Manual de Equipamentos Elétricos apresenta uma atualização completa da norma reguladora ABNT NBR 5356-8:2017, que trata de transformadores de potência. Além disso, oferece a inclusão de apêndice com exemplos de aplicação geral de todos os equipamentos utilizados em um projeto industrial ou de geração de energia de alta tensão.

eletrico

Diagnosticando falhas: análise de Assinatura Elétrica ESA

Técnicas de Manutenção Preditiva (Volume 1)

Inicialmente o livro apresenta ser uma segunda edição do livro Procedimentos Técnicos de Manutenção Preditiva em Instalações Industriais. Como este livro foi utilizado em vários cursos de extensão, reciclagem e mesmo treinamento de interessados em problemas de Manutenção, foi decidido elaborar um outro livro, totalmente diverso do original, embora baseado nos mesmos motivos. Foram feitas várias modificações e ampliações, como: 

a) Acrescentado capítulo sobre alguns conceitos básicos, assim como os métodos de investigação da ocorrência dos diferentes tipos de falhas

b) Ampliação da descrição dos processos de medição dos parâmetros de interesse à manutenção. 

c) Acrescentado um capítulo sobre Vibrações Mecânicas e Movimento Ondulatório, visando os fundamentos que interessam aos envolvidos com a Manutenção. 

d) Acrescentado um capítulo sobre o processamento e análise dos sinais de interesse à Manutenção, incluindo ideias básicas da análise pelas Séries de Fourier, e) Acrescido um capítulo descrevendo e apresentando vários estudos sobre a elaboração de diagnóstico de falhas através do espectro das vibrações, com o seu acompanhamento a partir de um dado instante até o momento adequado à intervenção.

f) Ampliado o capítulo referente à limpeza ultra-sônica, incluindo descrição do novo processo de desobstrução de tubulações. 

g) Os ensaios não-destrutivos, assim como a medida e controle da pressão e temperatura e a análise dos lubrificantes são apresentados por especialistas que possuem longos anos de experiência prática. 

h) Foi introduzido um capítulo referente aos ensaios não destrutivos não-convencionais. É fornecida uma idéia do cálculo da vida útil residual de componentes que apresentam descontinuidades.

manutencao preditiva
Confiabilidade e Manutenção Industrial 

O presente livro trata da Engenharia de Confiabilidade que tem como objetivo adequar a produção da indústria aos padrões dos mercados e a normas de qualidade, fornecendo o referencial teórico para esse processo de melhoria. O diferencial de Confiabilidade e Manutenção Industrial é tratar a confiabilidade do ponto de vista quantitativo, baseado na modelagem estatística de dados, e não qualitativo como os outros livros sobre o tema. 

Engenharia de confiabilidade: sua função e como implementar

confiabilidade industrial
Lubrificantes e Lubrificação Industrial

Esta obra destina-se aos estudiosos, aos engenheiros e a todos os profissionais de manutenção, preenchendo uma lacuna na bibliografia nacional sobre óleos lubrificantes e lubrificação automotiva e industrial, e também lubrificação em motores marítimos e ferroviários. 

O papel dos lubrificantes industriais

O livro desperta para as práticas de reciclagem e rerrefino dos óleos utilizados, bem como para as técnicas de lubrificação dos principais elementos de máquinas e de segmentos industriais, abordando de forma ampla e profunda os aspectos da lubrificação automotiva, formulação e aditivos habitualmente utilizados. O livro aponta para os ensinamentos de armazenagem de óleos e graxas lubrificantes, além de abordar aspectos tecnológicos e práticos da lubrificação em geral.

lubrificacao

O RCM na Quarta Geração da Manutenção - A Moderna Gestão de Ativos

Com a presente publicação a SQL Brasil pretende contribuir para o adequado suporte dos praticantes dos conceitos e das melhores práticas dessa nova disciplina denominada "Gerenciamento da Confiabilidade Operacional de Ativos Físicos" que, rápida e progressivamente, vai se tornando formalmente aceita como essencial no mundo dos negócios intensamente baseados em sistemas físicos

RCM - função estratégica na manutenção

Essa obra aborda temas como gerenciamento de ativos, o papel do RCM, a relação entre confiabilidade e risco, a utilização de softwares, o papel da confiabilidade humana, o conceito original do RCM de Nowlan e Heap, o RCM e a norma SAE, o gerenciamento de planos de confiabilidade, dentre outros. Trata-se, portanto, de um guia imprescindível para os estudiosos e praticantes desses temas. 

A esse conjunto de assuntos interligados denominamos “A Quarta Geração da Manutenção de Ativos”, dando seguimento às três gerações apresentadas por Moubray, indicando que a esfera de gestão da confiabilidade move-se em direção a assumir um papel estratégico cada vez maior e melhor entendido pela alta administração dos empreendimentos baseados em ativos físicos em larga escala e que podem oferecer riscos à segurança, ao meio ambiente e a competitividade global do negócio. 

rcm manutencao

Redação

Editores & Revisores

Especializações

Jornalismo

Redes sociais

A Redação da Revista Manutenção é composta por profissionais que atuam direta e indiretamente com manutenção no setor secundário (indústria) e terciário (comércio e serviços) da economia, dispostos à difundir informações, artigos, opiniões, debates e eventos, para estudantes e profissionais que atuam com engenharia de manutenção e/ou confiabilidade, assim como na gestão de ativos, recursos, serviços e riscos.

A linha editorial da Revista Manutenção está plenamente alinhada com o código de ética e conduta de entidades, instituições e conselhos de classe como CONFEA, CREA e FNE, no sentido de fomentar o desenvolvimento social e econômico nacional, por meio do progresso ciêntício e tecnológico sustentável, com o objetivo de garantir o bem-estar e o desenvolvimento do homem, em seu ambiente e em suas diversas dimensões: como indivíduo, família, comunidade, sociedade, nação e humanidade; nas suas raízes históricas, assim como nas gerações atuais e futuras.

Explorar o potencial da internet para tornar-se referência como acervo científico e tecnológico, através da publicação de conhecimento, sob licença de uso que o permita ser difundido entre estudantes e profissionais que atuam direta ou indiretamente com manutenção, cujos interesses sejam convergentes e alinhados com a missão, visão e valores descritos aqui.

O desenvolvimento social e humano é determinante para o desenvolvimento econômico do país e das empresas, portanto defendemos que o Estado, assim como a iniciativa privada, devem priorizar investimentos para a educação e capacitação profissional, assim como adotar e promover políticas e valores que promovam o estado de bem estar e justiça social, considerando o princípio da igualdade de oportunidades com isonomia e equidade.

O meio ambiente é patrimônio da humanidade, e não deve em hipótese alguma ser submetido aos interesses corporativos e/ou especulativos de mercado, portanto protegê-lo e preservá-lo através da legislação ambiental e demais recursos ciêntíficos e tecnológicos é um dever ético imutável e comum a todas pessoas, profissionais, empresas, governos e países.

O progresso social, político, econômico, científico e tecnológico nacional, depende da adoção de uma política econômica desenvolvimentista, não ortodoxa, que reverta e supere as crises econômicas resultantes do modelo fracassado que popularizou-se nos países sub-desenvolvidos em meados da década de noventa.

A meritocracia é uma distopia que catalisa a corrupção e subverte as regras instituídas em nome do bem-estar coletivo, tornando-as flexíveis e barganhaveis diante de interesses escusos, portanto ela deve ser superada.

A transparência é sinônimo de lisura, portanto informações e opiniões devem ser devidamente separadas e identificadas, para evitar que o público seja submetido ao engodo da persuasão e da fabricação de consenso.

Todo conhecimento adquirido, seja ela discursivo ou intuitivo, deve ser multiplicado, compartilhado e utilizado para garantir que os valores expressos acima, sejam consolidados de modo empírico.


loading 5 livros essenciais para a manutenção industrial (parte 1) - Revista Manutenção Não há mais arquivos para exibir